Aguarde, carregando...

gabinete@pien.pr.gov.br 41 3632-1136

Professores de Piên participam de formação

Professores de Piên participam de formação

Professores participaram de uma palestra sobre gestão das emoções com o professor e doutor Geraldo Peçanha de Almeida

Profissionais da Educação de Piên participaram nesta segunda-feira (19) de uma formação pedagógica. O encontro foi realizado na Câmara Municipal de Vereadores. A secretária Clarice Fragoso deu as boas-vindas aos educadores e ressaltou que apesar dos desafios do dia a dia, percebe que os profissionais têm se superado diariamente e desempenham o trabalho com muita responsabilidade e criatividade.

Os estudantes da Escola Municipal Marciano de Carvalho, ensaiados pela professora Sueli, que desenvolveu o projeto Qualidade de Vida, juntamente com a professora Veridiana, que engloba a importância das atividades físicas e alimentação saudável para a promoção da vida das crianças, fizeram uma apresentação com a participação do grupo de dança Talentos Brilhantes, representados pelos Mariana, Mirela, Maria Vitória, Miguel, Guilherme, Maria Olívia, João, Luiz Felipe, encenaram a música, com a música Palhacinho Atrapalhado.

Na sequência, houve uma apresentação de poesias, trabalho desenvolvido pela professora Maura, que enfatizou o gênero textual poesia sobre o tema virtudes, desenvolvido em sala de aula. Foram apresentadas as poesias Perseverança, do livro Virtudes; Tanta Tinta, de Cecília Meireles e Borboletas, de Vinicius de Moraes. 

Depois da apresentação das crianças, os professores participaram de uma palestra sobre gestão das emoções com o professor e doutor Geraldo Peçanha de Almeida, psicanalista pela Sociedade Internacional de Psicanálise de São Paulo. Almeida é pedagogo pela Universidade Estadual Paulista de São Paulo; mestre em Teoria Literária pela Universidade Federal de Santa Catarina e autor de mais de 70 livros infantis, livros para educadores, para pais e de autoconhecimento.

Geraldo tem trabalhos internacionais com professores e crianças na Alemanha, Itália, Áustria, Bolívia e Japão. Implantou na África, em Moçambique, um programa de leitura e escrita. Fez estudos de aperfeiçoamento em Educação Especial em Cuba. Tem 25 anos de experiência em educação de crianças e jovens e faz palestras em todos os estados do Brasil. Fundou o projeto Pólen, em Curitiba, no qual é diretor. Em 2020 passou a integrar a Academia Internacional de Literatura Brasileira, que tem sede em Nova Iorque e tem Paulo Freire como patrono.