[Prefeitura de Piên]
[Brasão Municipal]

Mulheres pienenses se formam em curso de geleias e doces

Capacitação ocorreu durante dois dias e foi realizada no CRAS, em parceria com o Senar e com a Secretaria de Ação Social e Defesa Civil

Por Pamela Ritzmann dia

Mulheres pienenses se formam em curso de geleias e doces

Com o objetivo de gerar novos conhecimentos teóricos e práticos, possibilidade de futura geração de rendas e a consequente melhoria da qualidade de vida dos pienenses, foi concluída, no fim da última semana, o curso geleias, doces pastosos e doces de corte, promovido pela Secretaria de Ação Social e Defesa Civil, através do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar). Nessa etapa, participaram onze alunas, com a supervisão da equipe técnica do CRAS.

A formação foi realizada na cozinha industrial do CRAS, durante dois dias. Nessa capacitação, as alunas aprenderam diversas técnicas de aproveitamento, desidratação e conservação natural de alimentos, produzindo diversos tipos de geleias, doces de corte e pastosos, como balas de banana, de batata-doce, cocadas, entre outros. Todas as participantes concluíram o curso sem faltas e avaliaram os conhecimentos adquiridos como de grande aproveitamento.

Mulheres pienenses se formam em curso de geleias e doces

O curso mostrou os segredos da produção de geleias, compotas e doces, ensinando os pontos de cada doce, as quantidades de fruta e açúcar para cada variedade e os cuidados com a embalagem e a conservação. A instrutora também ensinou a fazer a pectina a partir da parte branca da laranja, indispensável quando se usa frutas como a laranja para atingir o ponto de geleia. Tudo o que o grupo de mulheres produziu foi sem acrescentar conservantes. “A instrutura explicou que, observando o ponto ideal de cozimento e utilizando embalagens adequadas, os doces se conservam por até um ano. Isso quer dizer que a família que tiver um pomar na propriedade pode ter doces, compotas e geleias o ano todo na despensa, produzidos de forma natural, sem aditivos”, explica a coordenadora pedagógica do CRAS, Kassuza Maria Peckos. O processamento também possibilita um melhor aproveitamento, por conta de que, muitas vezes, há sobra de frutas na propriedade.

Mulheres pienenses se formam em curso de geleias e doces

No último dia do curso, as participantes, junto com representantes dos parceiros envolvidos e da instrutora do Senar, Maria Regina dos Santos, participaram de uma saborosa degustação dos alimentos confeccionados com a presença da vereadora e primeira dama, Jucélia Tureck. 

Para a Secretária de Ação Social e Defesa Civil, Patrícia Ferreira Dreveck, o curso foi importante por gerar conhecimento e aprendizagem sobre o feitio de geleias e economia e aproveitamento das frutas. “As participantes, além de elaborarem geleias para o consumo doméstico, podem também ampliar a renda familiar, vendendo ou trabalhando em empresas de pequeno porte desse segmento”, considera.

No próximo mês acontecem novos cursos no segmento de promoção social, como de panificação, molhos e temperos, o qual ainda não possui data definida.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter